PERDÃO: O Primeiro Canteiro do Jardim do Amor



Olá! Hoje vamos refletir sobre o nosso primeiro canteiro dos Nove Canteiros do Jardim do Amor.

No post intitulado Os Nove Canteiros do Jardim do Amor, destacamos sobre a importância de semearmos o AMOR ao próximo, à vida, à família, ao trabalho, ao nosso lar, bem como, amor às pessoas que nos desafiam no dia a dia, que nos ignoram ou que nos instigam à raiva, à cólera, à angustia, dentre outras ações que testam a nossa paciência, abnegação, resignação, e acima de tudo, que nos desafiam viver pensamentos, palavras e ações do PERDÃO.

É com base nessa reflexão que vamos cultivar o nosso primeiro canteiro do Jardim do Amor. O Canteiro do Perdão. Vamos semear as sementes do PERDÃO, de modo que possamos colher AMOR.

Então, mãos à obra, pensamentos, palavras e ação!

Para o nosso canteiro do perdão, escolhemos a rosa, mas você pode escolher a sua flor preferida, aquela que lhe remete ao sentimento de PERDÃO.

Bem, então vamos plantar rosas em nosso primeiro canteiro. Vamos semear perdão em nosso jardim espiritual. 

Esse é o nosso propósito no primeiro canteiro do Jardim do Amor: O canteiro do Perdão.


Em primeiro lugar devemos pensar nas pessoas que precisamos perdoar: para cada uma dedicamos uma muda[1] de roseira que será plantada em nosso canteiro.

Gostaria de dizer sobre a importância de distribuir as mudas com muito cuidado. 

Se o canteiro ficar grande, não tem problema, significa que estamos inserindo todas as roseiras necessárias.

Se o canteiro ficar pequeno, parabéns! Mas faça um esforço para lembrar de todas as pessoas que você precisa perdoar e/ou pedir perdão.

Deixe seu canteiro bem colorido! 

Escolha uma muda de cada cor, não para diferenciar o sentido do perdão, mas por considerar que somos diferentes, e que no jardim do amor têm lugar pra todos e todas.

No canteiro do perdão, somos rosas. Isso porque, perante Deus somos iguais, somos seus filhos e suas filhas. 

Mas considerando que cada pessoa tem a sua missão e a sua provação, somos diferentes, somos rosas de diversas cores.

Bem, se plantamos as sementes do perdão e estamos com várias mudas de roseiras em nosso primeiro canteiro do jardim do amor, não podemos nos esquecer de cultivá-las.

Não basta plantar, é preciso regar todos os dias. 

Você sabe como podemos cuidar do nosso canteiro do perdão?

Cuidar do canteiro do perdão, pressupõe cultivar sublimes pensamentos, sábias palavras e generosas ações, de modo que possamos retirar as ervas daninhas que possivelmente tentarão sufocar as mudas e as sementes ali plantadas.

 
Por isso, precisamos regar aos poucos e diariamente. 

Em cada rega podemos inserir adubos que possam fortalecer o crescimento de cada roseira, isto é, de cada desejo de perdão.

Podemos inserir o adubo do amor com bons sentimentos pelas pessoas que precisamos perdoar ou pedir perdão. Estejam elas no plano espiritual ou terreno.

No sentimento de amor e no desejo de perdão, devemos adicionar adubos de alegria, misericórdia, carinho, isto é, pensamentos que elevam, palavras que acolhem e ações que fortalecem a nossa emancipação espiritual.

Ao cultivarmos o nosso canteiro do perdão, possivelmente nos depararemos com a necessidade de impedir que as ervas daninha sufoquem as mudas das roseiras, que aqui representam o perdão.

Por isso, precisamos retirar as ervas daninha do rancor, da cólera, da inveja, da soberba, da raiva, da mágoa, dentre outras que corroem os nossos pensamentos, as nossas palavras, as nossas ações e consequentemente as nossas relações com as pessoas.

Essas são as ervas que podem danificar o nossos propósito de perdão, que podem inviabilizar o crescimento sadio das roseiras do primeiro canteiro do jardim do amor.

Podemos começar retirando essas ervas todas as vezes que percebermos que estamos pensando com soberba sobre determinada pessoa, que estamos sentindo inveja de alguém, que estamos falando das pessoas com tom de raiva ou de mágoa, ou ainda, quando estivermos agindo com ações rancorosas.


Cada vez que percebermos esses sentimentos, pensamentos, palavras e ações e tentarmos romper com cada um, arrancando-os do nosso canteiro do perdão, fortaleceremos a nossa emancipação espiritual e conquistaremos um belíssimo jardim do amor.

Bem, hoje em nosso jardim do amor, construímos o canteiro do perdão.

O cultivo desse canteiro, ou seja, o exercício do PERDÃO no Jardim do AMOR no âmbito reflexivo, só se constituirá de verdade e terá efeito se for cultivado na vida real: em nosso cotidiano terreno e espiritual.

É muito importante cultivar nosso canteiro para além da reflexão!

É na prática que o canteiro florescerá. Precisamos viver atitudes de perdão na prática diária. Perdoar e amar de verdade.

Daí a importância de irmos ao encontro de cada pessoa que pensamos ao plantar cada roseira. Procurar cada pessoa que precisamos perdoar ou pedir perdão.

Isso significa, que cada roseira do nosso jardim reflexivo crescerá e florescerá se na vida diária exercitarmos o cultivo do perdão. Se em nosso dia a dia cuidarmos das relações que vivenciamos com as pessoas com as quais convivemos. Não é mesmo?

OBS: Lembre-se de cuidar dos sentimentos, dos pensamentos, das palavras e das ações. Esses cuidados são importantes para o cultivo do canteiro do perdão.

Ah! Você pode, além do plano reflexivo e do plano prático do cultivo do perdão, cultivar o seu canteiro de rosas de verdade no jardim da sua casa, na floreira da varanda do seu apartamento ou no vaso de plantas da sua sala. As flores atraem boas energias... Você Sabia? 

Por Ana Maria Louzada

[1] As roseiras são plantadas por meio de mudas, de modo que ao falarmos sobre sementes de roseiras, estamos nos referindo às mudas. Destacaremos sementes para garantirmos o sentido de semear, plantar...

- PERDÃO: O Primeiro Canteiro do Jardim do Amor
- CANTEIRO DA GRATIDÃO
- CANTEIRO DA FIDELIDADE
- CANTEIRO DA COMPAIXÃO
- CANTEIRO DA MISERICÓRDIA
- CANTEIRO DA OBEDIÊNCIA
- CANTEIRO DA BRANDURA
- CANTEIRO DA CORAGEM
- CANTEIRO DA ALEGRIA

Inscreva-se no Blog e receba publicações em primeira mão!
Seja um membro do Blog!
Compartilhe com seus amigos e suas amigas...

Você também pode gostar de ler...


Comentários

Postagens mais visitadas

FIDELIDADE: O Terceiro Canteiro do Jardim do Amor

OBEDIÊNCIA: O Sexto Canteiro do Jardim do Amor

PACIÊNCIA, HUMILDADE E PERSEVERANÇA

OS NOVE CANTEIROS DO JARDIM DO AMOR