Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2017

Reflexões sobre “O Pai Nosso”

Imagem
Reflexões sobre “O Pai Nosso”[1]
Se em minha vida não ajo como filho de Deus, fechando meu coração ao amor. Será inútil dizer: pai nosso.
Se os meus valores são representados pelos bens da terra. Será inútil dizer: que estais no céu.
Se penso apenas em ser cristão por medo, superstição e comodismo. Será inútil dizer: santificado seja o vosso nome.
Se acho tão sedutora a vida aqui, cheia de supérfluos e futilidades. Será inútil dizer: venha a nós o vosso reino.
Se no fundo o que quero mesmo é que todos os meus desejos se realizem. Será inútil dizer: seja feita a vossa vontade.
Se prefiro acumular riquezas, desprezando meus irmãos que passam fome. Será inútil dizer: o pão nosso de cada dia nos dai hoje.
Se não importo em ferir, injustiçar, oprimir e magoar aos que atravessam o meu caminho. Será inútil dizer: perdoai as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido.
Se escolho sempre o caminho mais fácil, que nem sempre é o caminho certo. Será inútil dizer: e não deixes cair em tenta…

A VERDADEIRA PESSOA DO BEM

Imagem
A VERDADEIRA PESSOA DO BEM
A verdadeira pessoa do bem procura interrogar sobre seus atos diários
Não ignora as oportunidades de enunciar palavras que transformam
Sempre faz pelos(as) outros(as) o que gostaria que lhes fizessem
Questiona a si mesma se está cumprindo a lei de amor
Evita pensamentos que inibem as generosas ações
Pratica atitudes de caridade (solidariedade)
Proporciona a felicidade do(a) outro(a)
Luta pela justiça Defende os fracos Faz o bem pelo bem Retribui o mal com o bem Sem intenção de recompensas.

A MORTE EXISTE? NÃO EXISTE MORTE? O que é a morte?

Imagem
A MORTE EXISTE? NÃO EXISTE MORTE? O que é a morte?

Essas são indagações que devemos fazer em nossas reflexões sobre o sentido da vida e da morte.
Pensar sobre a morte exige repensar o sentido da Vida.
Por isso, gostaria de discorrer sobre o sentido da vida e da morte conforme Jesus Cristo nos falou e continua nos orientando, em seus infinitos ensinamentos.
Partimos do princípio que somos Espíritos eternos, que hoje estamos aqui no tempo espaço terreno e que em outro momento estaremos em outro plano espiritual.
Ora estamos no mundo dos encarnados (vida carnal, corpo matéria) e ora no mundo dos desencarnados (vida espiritual, além-túmulo), sabendo que nos dois mundos, somos Espíritos VIVOS que de tempos em tempos vivemos diferentes experiências em busca da nossa emancipação espiritual, bem como da emancipação da humanidade terrena e de outras moradas do Pai Celestial.
Sendo assim, a reflexão sobre o sentido da vida e da morte nos instiga dizer que a morte não existe apenas para o corpo físico…

O VALOR DO SER HUMANO ESTÁ NA SUA MORTE OU NA SUA VIDA?

Imagem
O VALOR DO SER HUMANO ESTÁ NA SUA MORTE OU NA SUA VIDA?
Reflexão do Papa Francisco para o Dia de Finados[1]
O Ser humano é estranho... Briga com os vivos, e leva flores para os mortos; Lança os vivos na sarjeta, e pede um "bom lugar para os mortos"; Se afasta dos vivos, e se agarra desesperados quando estes morrem; Fica anos sem conversar com um vivo, e se desculpa, faz homenagens, quando este morre; Não tem tempo para visitar o vivo, mas tem o dia todo para ir ao velório do morto; Critica, fala mal, ofende o vivo, mas o santifica quando este morre; Não liga, não abraça, não se importam com os vivos, mas se autoflagelam quando estes morrem... Aos olhos cegos do homem, o valor do ser humano está na sua morte, e não na sua vida.
É bom repensarmos isto, enquanto estamos vivos! (Papa Francisco)
[1]Fontes: Jequiereporter Mensagem Espírita